Bebês “ensaiam” choro ainda no útero, revela pesquisa

© Durham University | Feto de 32 semanas com expressões de dor

Para quem acreditava que os bebês só aprendiam a se comunicar após o nascimento aí está uma pesquisa bastante reveladora: ainda no útero da mãe os bebês já começam a desenvolver o choro, elemento essencial na comunicação com os pais nos primeiros meses de vida.

A descoberta faz parte de um estudo de pesquisadores britânicos da universidade Durham.

Segundo o estudo,  ainda na barriga da mãe os bebês fazem expressões de dor e de choro como um “treino” da forma com que eles vão se comunicar após o parto.

Para chegar à esta conclusão eles avaliaram quinze ultrassonografias feitas a partir da tecnologia 4D, que permite melhor visualização do feto.

Com as imagens, eles conseguiram identificar expressões faciais simples e complexas, como sorrisos, expressões de dor, além de movimentos nas sobrancelhas e no nariz.

Apesar de não esclarecer o que impulsiona as expressões dos bebês analisados, a pesquisa indica que tais expressões podem ter mais ligação com a maturidade do cérebro que com a capacidade de expressar sentimentos. “Não está claro se os fetos podem de fato sentir dor e também não sabemos se as expressões faciais estão ligadas aos seus sentimentos”, completou a pesquisadora.

No relatório do estudo, publicado no site da universidade, a pesquisadora Nadja Reisslad afirmou que o “ensaio” detectado nas imagens  pode ajudar os médicos a entender o desenvolvimento do feto durante a gestação e futuramente servirá para identificar problemas com a criança. “É essencial para os bebês poderem demonstrar expressões de dor ou desconforto assim que nascem para que possam se comunicar com a mãe”, conta ela.

Publicado em 11 de outubro de 2013

Veja o que a nossa comunidade está dizendo sobre este tema e comente! Comentar