Ecografias

A ecografia (ou ultrassom) é um exame muito útil durante a gravidez. Este exame tem várias finalidades, permitindo fazer:

  • diagnóstico da gestação
  • determinação da idade gestacional
  • detecção precoce de gemelaridade (gravidez de gêmeos)
  • avaliação do líquido amniótico e da placenta
  • avaliação da circulação do sangue entre a mãe e o bebê
  • visualização do bebê e o acompanhamento de seu desenvolvimento, da sua formação, do seu  peso estimado e da sua vitalidade.

No início da gravidez o ultrassom costuma ser realizado por via endovaginal (dentro da vagina), porque o útero ainda não está grande o suficiente para permitir a visualização do seu interior através da barriga. A partir do segundo trimestre a via utilizada geralmente é a abdominal (pela barriga).

As mamães e papais costumam ficar ansiosos para verem o bebê e descobrirem o sexo pelo ultrassom, mas é sempre bom lembrar que trata-se de um exame complementar e deve ser solicitado pelo médico de acordo com a indicação clínica.

Para descobrir se é menino ou menina depende muito da idade gestacional e da posição do bebê. Às vezes é possível um palpite a partir das 12 semanas, mas a definição do sexo do bebê é mais provável a partir da 15a,semana, e muitas vezes até o final não há certeza.

Quando realizado precocemente (até as 12 semanas), o ultrassom permite confirmar a gravidez e a sua implantação correta no útero. Através de algumas medidas do tamanho do feto é possível fazer uma estimativa confiável da idade gestacional, quando não se tem certeza da data da última menstruação.

A translucência nucal é uma medida da prega da nuca do bebê através do ultrassom que pode inferir o risco de algumas síndromes genéticas,entre elas a Síndrome de Down, se realizada entre a 11ª e a 13ª semanas.

Por volta da 20ª semana realiza-se o ultrassom morfológico, que permite o estudo do feto de uma maneira mais completa e o rastreamento de mal formações.

Em casos de sangramentos, diminuição dos movimentos do bebê, suspeita de diminuição do crescimento ou alteração do volume do líquido amniótico em qualquer momento da gravidez o médico poderá pedir um nove exame.

O exame em 3D permite ver com mais detalhes o rostinho do bebê, mas não costuma ser mais indicado que o tradicional do ponto de vista médico.

 

Publicado em 1 de outubro de 2012 / Atualizado em 7 de outubro de 2013

Secretaria de Esatdo da Saúde de Minas Gerais. Atenção ao Pré-Natal, Parto e Puerpério. 2006.

J Resende - Manual de Obstetrícia, 1991 - Guanabara Koogan Rio de Janeiro

Veja o que a nossa comunidade está dizendo sobre este tema e comente! Comentar